Archives: outubro 2016

Uma dúzia e meia de características observáveis ​​de um(a) professor(a) competente

Olá, gente…modern-teacher

A formação da competência profissional docente tem início na graduação do curso de Pedagogia ou Licenciatura, oportunidade em que agregar conhecimentos teóricos, é fundamental para uma profissão de sucesso.

Jamais podemos duvidar do conhecimento, pois somente ele pode nos desenvolver competências fundamentais para que possamos ganhar a confiança necessária para traçar a trajetória de nossa emancipação. E não é apenas o conhecimento acadêmico, mas o conhecimento que a experiência e a própria vida nos oferece até de forma livre e gratuita, colocando-nos  constantemente frente a obstáculos e oportunidades. Isso significa que a formação profissional se dá constantemente o que exige participação ativa nas diversas oportunidades oferecidas através de cursos, seminários, congressos, etc..

Pois, é esse baú de saberes que facilita realizamos escolhas importantes que mais se adequam a nossa jornada ou ainda às necessárias retomadas dos nossos ideais e a motivação para as ações docentes.

Assim, os saberes e fazeres se constituem como alicerces para criar as características profissionais da docência que nos impulsionam na direção do que desejamos, abrindo portas e nos fazendo enxergar e trilhar os melhores caminhos para o sucesso.

Compartilho abaixo algumas das características de um professor ou professora competente lembrando que inexiste qualquer ordem de importância.

1- Inicia a semana conforme planejamento e de uma forma bem organizada.

2- Trata os alunos com respeito e carinho.

3- Fornece o significado ou a importância da informação a ser aprendida.

4- Fornece explicações claras. Prende a atenção e respeito dos alunos e exerce práticas de    gestão eficaz da sala de aula.

5- Faz uso de atividades de forma a tornar os alunos protagonistas, facilitando o uso da “mão na massa”.

6- Diversifica métodos e técnicas de aprendizagem, flexíveis e adaptáveis às situações em classe de acordo com as necessidades.

7- Fornece feedback frequente e imediato aos alunos sobre o seu desempenho.

8- Elogia as respostas dos alunos e incentiva-os a darem respostas mais elaboradas visando aumentar as expectativas de aprendizagem.

9- Busca relacionar informação, conhecimentos e experiências com o cotidiano escolar e social.

10- Cria um ambiente saudável e respeitoso em sala de aula que permite maior participação dos alunos.

12- Ensina a um ritmo apropriadamente rápido, parando para verificar a compreensão e envolvimento do aluno.

13- Comunica-se com todos os alunos da sala independentemente do nível e ritmo de aprendizagem em que estiverem.

14- Faz uso de comunicação não verbal usando contato visual, gestos, posturas corporais, reforçando o acompanhamento constante do processo na sala de aula.

15 – Procura focar nos objetivos principais de seu planejamento.

16- Utiliza os resultados e instrumentos de avaliação (interna  e externa) para realizar as intervenções necessárias visando melhorar o ensino..

17- Reflete sobre o próprio ensinamento para melhorá-lo.

18- Mantém sempre o bom humor.

Você tem mais caraterísticas para acrescentar?

Encaminhe para compartilhar e deixe seus comentários!

Postado por Michel Assali