Duas dúzias de maneiras de ajudar os alunos a pensar por si.

Olá, gente…template-cerebro-sabio-tecnologia_23-2147493666

A sala de aula é sem dúvida o grande desafio da educação contemporânea e é preciso que o educador tenha plena consciência da articulação entre políticas educacionais, organização escolar e práticas pedagógicas para a melhoria na qualidade da aprendizagem.

O envolvimento dos alunos e das famílias no processo se faz urgente e necessário para que a aprendizagem seja uma construção coletiva junto com a ação docente.

Encaminho a seguir duas dúzias de sugestivas maneiras que possam ajudar os alunos a serem protagonistas de sua própria aprendizagem e contribuir com os professores na construção de uma sala de aula eficaz e de qualidade.

Leia e aplique em sala o que for conveniente:

 

1-Deixe-os formar teorias, testar e rever essas teorias com base na observação.

2-Dê-lhes a oportunidade de colaborar com o conteúdo de determinadas aulas.

3-Permita-lhes escolher o que deseja ler sem orientações ou pressões externas.

4-Deixe-os planejar a elaboração de uma aprendizagem sem exigir formalidades pedagógicas ou regulamentos.

5-Permita que percebam a relação das partes com o todo e vice-versa.

6-Deixe que elaborem seu próprio instrumento de avaliação ( prova) formulando as perguntas e respectivas respostas sobre um tema escolhido por eles mesmos.

7-Ajude-os a perceber as relações entre o conteúdo trabalhado e a própria vida.

8-Certifique-se de que eles estão motivados para conhecer a si mesmos.

9-Oriente-os a serem gentis com os outros e consigo mesmos.

10-Ensine-os a meditar (imaginar, refletir sobre o que pensam e etc.).

11-Ajude-os a tentar transferir compreensão dos conhecimentos a outras situações.

12-Incentive-os a acreditar que eles podem fazer escolhas adequadas.

13-Ensine-os a cometer erros sem culpa.

14-Incentive-os a explorar algo que eles consideram como misterioso ou imaginável.

15-Permita-lhes avaliar e serem avaliados por colegas da sala.

16-Incentive-os a pensar criticamente sobre notícias e imagem veiculadas nas diferentes mídias.

17-Incentive-os a brincar com jogos físicos ou virtuais ou jogos de simulações de aprendizagem.

18-Ajude-os a honrar seus compromissos e responsabilidades.

19-Ensine-os a refletir sobre o significado de suas escolhas.

20-Incentive-os a fazer as coisas e evitar procrastinar.

21-Ajude-os a reconhecer o valor do seu próprio desempenho.

22-Dê-lhes instrução direta personalizada.

23-Ajude-os a pensar sobre seu próprio modo de pensar.

24-Incentive-os a formular suas próprias perguntas sem medo de se expor.

25- …continuará logo mais…

Você tem mais alguma coisa a contribuir? Encaminhe para compartilhar.

Postado por Michel Assali

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *